Publicado em Pessoal

Ch-ch-ch-ch-changes!

tumblr_lxqtp60lq61qcxukbo1_500Quem me conhece pouco costuma dizer que eu sou muito calma, mas a verdade é que eu não sou nada calma. Eu sou muito ansiosa e agitada por dentro, falo muito o tempo todo, me sinto entediada com uma frequência grande, não tenho muita paciência quando estou sem fazer nada, dificilmente faço uma coisa só ao mesmo tempo e os pensamentos borbulham. Quando eu estou em um local estranho, ou com pessoas estranhas, eu fico quieta, falo menos pra observar o ambiente, não demonstro tanta ansiedade. E não é intencional, não tenho vontade de “fingir” que sou quieta, só acho que é mais esperto observar antes de se mostrar, porque dependendo do lugar e das pessoas temos que ser “menos”.

Quando eu estou muito empolgada ou muito estressada eu disparo e não tem quem me faça calar a boca. Quando estou triste eu fico quieta, tenho vontade de ficar sozinha, distante do mundo e das pessoas. E nesses momentos eu me conheço melhor, porque é quando eu tenho que parar toda a agitação e sentir um pouco de mim, pra aprender algo com aquele sofrimento e pra pensar em uma forma de solucionar um possível problema, ou superar alguma experiência difícil.

Nos últimos meses tenho ficado mais introspectiva. Não estou necessariamente triste, só estou fechada pra balanço, administrando muitas mudanças e planejando tantas outras.
Só que, mesmo que a gente queira umas férias da vida, ela não para. E por mais que muitas coisas pareçam completamente diferentes, o mais engraçado é perceber que o mundo não muda. Eu que estou mudando e a minha forma de encarar as coisas também.

A necessidade de trabalhar, as escolhas sobre trabalho, o relacionamento com os amigos, o relacionamento com a família, fazer pós ou mestrado, mudar de casa, economizar dinheiro, gastar dinheiro…
O que mudou mesmo foi a minha forma de enxergar as coisas, pois no geral a vida é muito a mesa coisa o tempo inteiro.

Que bom que mudamos.
Só consigo lembrar do David Bowie cantando essa música maravilhosa:

 

Anúncios

Autor:

Ana Paula Camina, 27, carioca morando em São Paulo, sonha em falar francês.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s